Gideões da CCB Livre de Religião.
Buscar
 
 

Resultados por:
 

 


Rechercher Busca avançada

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Junho 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Calendário Calendário

Estatísticas
Temos 1252 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de edinelson

Os nossos membros postaram um total de 1728 mensagens em 556 assuntos
Anuncios

    Não há anúncios disponíveis.


    O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

    O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Fco Oliveira em Seg Dez 28, 2009 8:01 pm



    Nobres irmãos a paz esteja convosco, este é o meu testemunho; eu Francisco da Costa Oliveira, brasileiro, casado com uma serva do Eterno Deus, vivi feliz por 12 longos anos firme naquela que eu julgava ser a graça do Messias e fiel à palavra que eu julgava ser do Eterno Deus, o Deus de Elias e pensava que estava debaixo da proteção do sangue do Cordeiro do Eterno Deus e na verdade eu nem o conhecia, pois, estava servindo os Deus pagãos Baal que é Senhor e Tamuz que é Jesus Cristo na CCB!

    Porque? Se este "Senhor Jesus Cristo" fosse o Cordeiro do Eterno Criador, Ele jamais teria deixado acontecer comigo o que aconteceu, sendo que eu clamava dia e noite pelo o seu sangue e não fui atendido! O que prevaleceu foi as palavras de maldição que o espírito de demônio falou na boca do ancião no púlpito da CCB.

    Os fatos são estes: todos os dias de cultos, eu estava lá com o meu instrumento nas mãos, louvando ao meu Senhor (que quer dizer Baal) com toda a minha vida, era a minha maior alegria, na hora de ir pra casa de Deus (que quer dizer Zeus).

    Ajudei muitos irmãos nossos a aprenderem a música e a tocar na orquestra da CCB (Congregação Cristã no Brasil), ajudei a oficializar já 16 músicos pela a graça de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo (que quer dizer o filho de Ninrode Tamuz).

    Até que no ano de 1.986, um espírito do mal veio tirar a paz da igreja de Cristo, entrando em uma de nossas irmãs dentro da igreja de Medicilândia Pará, e fez muito alvoroço dentro da Congregação; na hora que eu a vi  pegar o sapato e jogar no cooperador, eu não vi mais nada, não sei como sai do banco e peguei-a, sem derrubar o meu instrumento;

    Quando eu me dei conta, estava com a cabeça dela entre as minhas mãos, pois, o demônio queria matá-la; junto com mais alguns irmãos, como o ir. Abel diácono, o ir. Joaquim, conhecido como Quinqua e o ir. Assis a segurávamos até o momento em que ele começou a falar coisas do passado dos irmãos que estava ali presente.

    Entre estas acusações que ele fazia, eu o mandei calar e foi ai neste momento que saiu a sentença da minha desgraça, "ele disse que ia me perseguir até sujar as minhas roupas de lama, ele ainda confessou diante de todos que não gostava de mim e nem da minha dedicação à obra de Deus (neste caso ele falava do Verdadeiro Deus que eu já o procurava, o Deus de Elyahuh corrompido para Elias), que ele iria fazer qualquer coisa, mais ele ia me derrubar".

    Conseguimos expulsar ele daquela serva de Deus (Zeus) naquela noite, mais na mesma semana, ele voltou e entrou na empregada do cooperador o ir. Zenildo Fleximan; lá ele fez o que quis, ficou quase sete dias e nesta casa ele conseguiu destruir a casa do servo de Deus por completo.

    Hoje o servo de Deus está separado da esposa e ficou sem o ministério como ele tinha prometido que ia derrubar aquela casa e assim aconteceu.

    Ps: vejam que todos da CCB, membros e ministérios são escravos destes demônios, eles entram nas igrejas CCB e sai na hora que bem quiser, acusa e persegue a quem bem entender e não há nenhum poder ali dentro ou fora que nos livre de suas garras.


    Nesta casa, ele mandava a irmandade cantar hinos e aprontou o que quis; quando eu fiquei sabendo, fui lá imediatamente e ao chegar, ele ficou muito furioso e mandou que eu saísse dali, que eu não obedeci, é claro.

    Mandei as irmãs tirar o véu da cabeça e os irmãos pararam de cantar hinos para ele reger, como ele estava fazendo e no sétimo dia conseguimos expulsar ele dali no Nome do tal Senhor Jesus Cristo.

    Mudei-me para o Estado de São Paulo no ano de 1.990, onde resido atualmente na Cidade de Catanduva; mais aquelas palavras sempre me vinham à mente e queimavam no meu coração.

    No ano de 1.995 eu era instrutor da orquestra da salinha do Bom Pastor, tinha um número grande de alunos estudando a música e outros passando já o método e outros se preparando para entrar no teste para tocar nos cultos oficiais.

    Eu tinha adotado um meio de meus alunos chegar mais rápido no teste: todos os domingos à tarde nós ensaiávamos na salinha e isto levou oito deles ao teste mais rápido, para a glória deste Deus da CCB.

    Chegando em casa no dia do teste dos meus alunos e com a vitória de todos, pois o saudoso ir. Lino tinha aprovado todos, eu fui congregar na Rua Natal, que era a central na época.

    Neste dia, eu ouvi e senti o peso da palavra de maldição pregada na CCB, que não era e nunca foi o Espírito do Eterno Deus Criador da vida, que fala nos púlpitos das casas de orações da CCB, mais sim os espíritos sujos que amam as derrotas do povo santo na terra, pregando palavras de maldições em nome de Zeus.

    Pois, o irmão que leu a bendita palavra do Zeus, em Salmo 88 do 1 ao 18; o pregador o ir. David Trevisan pregou muito bem para a igreja, mais em um determinado momento, o sentido da palavra mudou e mudou para a morte de quem pegou aquela maldita palavra para si, como eu fiz;

    Foi o maior erro da minha vida: pegar aquela palavra pra mim! Quando foi dito na pregação que eu iria ser submetido a uma grande provação por parte de Deus, que Deus ia me testar, me moer, que eu iria passar pelo o moinho e cair no funil, como a garapa da cana etc.; eu esperava que fosse uma prova sobre a orquestra e não da minha vida pessoal! Esse foi o meu erro!

    Cheguei em casa como de costume, anotei o dia, o livro e o pregador; fui trabalhar normalmente no outro dia, passaram apenas trinta e oito dias depois daquela pregação maldita e o meu mundo desabou.

    Fui atingido na cabeça, perdi o sentido de tudo, eu não reconhecia o meu endereço, onde eu morava, não reconhecia as minhas duas filhas e nem que eu era casado; foi uma mudança radical, da noite para o dia!

    Ps: um espírito imundo me pegou e mudou radicalmente a minha vida da noite para o dia e tudo que aquele demônio tinha falado lá no Pará, estava acontecendo!

    Muitas vezes eu saia da empresa onde eu trabalhava, a terracat, não sabia para onde ir, fui dormir na pensão na Rua Pernambuco, perto de onde hoje é a loja Cem; deixando a minha esposa numa situação de dá dó!

    E isto aconteceu por muitos dias, mas eu orando sempre e pedindo a Deus que me ajudasse. Mas não houve ninguém que me escutasse e nem me livrava daquele demônio sujo.

    Nesta situação que eu estava, o diabo colocou uma mulher que se dizia nossa irmã na fé, para cuidar de mim, ela estava mal intencionada e eu "doido, louco" não soube me defender; para piorar a situação, a minha sogra adoeceu e veio a faleceu na mesma época e a minha esposa teve que ir ver ela lá no Pará, me deixando só nas mãos dessa mulher enviado pelo o demônio!

    Na empresa, onde eu já trabalhava há quase três anos, eu que nunca tinha dado um prejuízo à empresa, nem mesmo as tábuas dos basculante (que é comum os operadores quebrarem) eu como operador de pá que era na empresa, nunca tinha quebrado uma delas; agora com essa loucura, passei a quebrar tudo, destruir o patrimônio da empresa que eu tanto amava.

    No dia 01/06/1.996 às 9 horas da manhã eu tombei um dos caminhões da empresa carregado de pedras na curva da seringueira, Eliziário a Urupês SP; eu estava tão desnorteado que, eu só me lembro de ter parado em frente do cemitério de Eliziário e bati os pneus do caminhão, Dalí até a curva da seringueira, são mais de seis km, eu não vi nada e não me lembro de nada...

    Alguém testemunhou na delegacia, que eu ia no meio da pista e que todos os veículos tinham que sair da frente... Na verdade o caminhão tombou no meio da pista, eu só me recordo do peso que eu sentia nas costas e na garganta, onde eu queria respirar e não conseguia, pois estava enforcado no volante onde perdi a visão dos dois olhos;

    Fiquei cego por três dias, na manhã do terceiro dia, o meu olho direito voltou a ver a luz da vida que o Eterno Deus criou... Mais o esquerdo nunca mais, pois, morreu as glândulas do nervo óptico; segundo os médicos, é a sequela de quem tenta suicídio, enforcar-se, se alguém o salvar, ele volta cego.

    Esta é a minha triste História, do que aconteceu comigo por causa de uma maldita palavra pregada na CCB, andei por um ano e meio nesta situação, sem o real sentido, quando acordei para a vida novamente, eu estava em Xinguára Pará.

    Encontrei numa casa de oração das Assembleias de Deus (tinha uma coisa curiosa, não saia de dentro das igrejas, hoje eu sei por que as igrejas vivem cheias de demônios, por que ali é o lugar que eles moram).

    Voltei para a minha casa que eu tinha deixado aqui em Catanduva SP, antes de comprar a passagem, eu estava apreensivo, pois, a minha esposa agora era minha ex-esposa, já estávamos com o divórcio feito, só faltava averbação.

    Olhei para o Céu e pedi ao Eterno Deus um sinal, pois eu estava sem direção, não sabia se ia pra Roraima onde o Fernando estava ou se ficava em Xinguara: quando olhei para a terra, um orelhão com o símbolo de um Jaburu.

    Liguei para a minha vizinha, a Célia Miranda e ela me falou, que as minhas filhas estavam passando fome. Não tive mais nenhuma dúvida, comprei a passagem e voltei para a minha casa, hoje, graças ao Eterno Deus, salvei o meu casamento.

    As minhas duas filhas foram batizada e selada com a promessa do Espírito do Zeus dentro da CCB, a mais velhas já está casada e a outra está namorando e trabalhando na Usina Cerradinho, recuperei em dobro o que o diabo me tomou, falando dos bens materiais.

    Só que, o meu instrumento continua pendurado no salgueiro, embora já se fizeram quase quinze anos que tudo isto aconteceu na minha vida, por causa do cumprimento de uma palavra de maldição pregada na CCB, eu continuo sem a minha liberdade (que eu não quero mais, nunca mais louvarei aos demônios dos ídolos que existe na bíblia da CCB) de tocar o meu instrumento na casa daquele que eu julgava ser o meu Deus.

    Deixo aqui uma solicitação a todos os irmãos do ministério: parem de pregar palavras de maldição na casa desse Deus (Zeus), pois, as mesmas são pregadas no Nome do Senhor (Baal) Jesus (Tamuz) e tem que ser cumprida, os próprios demônios do Zeus tem que cumprir estas palavras, doa a quem doer, pois o falso Nome do "Senhor Jesus Cristo" tem que ser honrado...

    Se são palavras de bênções, tudo bem, não se cumprem mesmo! Mas as palavras de maldições, os demônios vão cumprir todas, que é para continuar enganando o povo. Só sei dizer, que um Deus que amaldiçoa e sentencia a desgraça na vidas das pessoas, não conhece o amor.

    O Deus da CCB e do cristianismo em geral e do judaísmo não conhece o amor e nem têm compaixão do irmão fraco na fé! Hoje eu sou uma nova criatura, estou  melhor do que ante de conhecer a CCB, nas palavras que leio, eu sinto vida. Hoje, por graça divina, eu sou o que sou, Gnóstico ou Agnóstico e estou muito feliz.

    Quanto àquelas palavras de exclusão que eu ouvia, nunca mais eu quero ouvi-la, pois sinto a minha alma renovada, hoje prego o Verdade sobre o Deus tirano da bíblia, sei e conheço o seu Verdadeiro intento, que é destruir a vida das pessoas; portanto aqueles que me chamavam de "pecador de morte", eu oro por eles para que o Eterno Criador tenha compaixão deles e os abençoe como me abençoou!

    Hoje, eu dou graças ao Eterno Deus, peço que o seu Ruach Há-Kodesh (Espírito Santo) que nunca saia de mim e nem dos que me amam e também dos que me odeia, por eu falar a Verdade sobre o Deus deles, louvado seja o Eterno Criador!


    Última edição por Administrador em Sex Ago 15, 2014 8:16 pm, editado 4 vez(es)
    avatar
    Fco Oliveira
    Admin

    Mensagens : 1360
    Reputação : -1
    Data de inscrição : 13/07/2009
    Idade : 55
    Localização : Catanduva São Paulo

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Fco Oliveira em Ter Dez 29, 2009 10:50 am



    O ETERNO DEUS NUNCA FEZ ABSOLUTAMENTE NADA NA MINHA VIDA, ISTO É FATO!

    Quando eu sai do Estado do Pará, em 1.990, eu na época, era músico na CCB e a minha esposa era da piedade e eu o motorista das entregas dos frutos que a irmandade preparava para os necessitados (pois quem dá as coletas são a irmandade e não Deus ou Jesus Cristo), na furreca ou paco paco da Coman a empresa onde eu trabalhava, em Uruará Pará; um dia orei ao Eterno e disse:

    Soberano Deus, eu vou embora deste Estado e não sei o que vai acontecer no futuro desta minha mudança, mais uma coisa eu te peço, oh meu Deus, que nunca permita que a piedade venha suprir a minha casa; abençoa o meu caminho, para que eu sempre venha ter para suprir os meus irmãos e nunca ser suprido por eles, não por orgulho, mais é o que eu desejo.

    Depois do acidente que eu perdi a visão do meu olho, com a cegueira do meu olho esquerdo eu fiquei impossibilitado de exercer a função de motorista e passei a trabalhar como porteiro nas empresa, no shopping Center de Catanduva e por fim na Skincariool; onde eu findei a carreira de trabalhador, pois hoje eu estou aposentado.

    Só que, voltando um pouco atrás, em 1.999 eu sofri outro acidente, na Cerealista Maranhão, onde eu fui alvejado por um disparo de revolver a queima roupa; onde estilhaçou o meu rosto com cacos de vidros do vidro do caminhão que eu trabalhava, onde ficou cravado no meu olho esquerdo (o cego) onze cacos de vidros e no direito três.

    Pois os ladrões queriam roubar o caminhão da empresa que eu trabalhava e me usaram como refém para passar o caminhão nas fronteiras dos Estados: do Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás e Pará, pois os ladrões tinham vendido o caminhão em Itaituba Pará e como eu estava com o uniforme da empresa e com todos os documentos da empresa, não teria dificuldade nenhuma de passar por qualquer barreira Policial.

    Foi preciso fazer o transplante da córnea do olho esquerdo, para a retirado dos últimos cacos de vidros e ouve rejeição do transplante. Assim sendo, eu estava doente e impossibilitado de trabalhar e a Previdência não me aposentava e comecei a passar dificuldade em casa, pois a minha esposa também estava afastada da empresa onde ela trabalhava com problema de coluna.

    Durante três longos anos antes de sair a minha aposentadoria, eu fiquei registrado na Skincariool e sem receber nada nem da empresa e nem da Previdência, pois os médicos da perícia tinham me cortado o benefício e da minha esposa também.

    Só não passei fome, porque a empresa que a minha esposa trabalhava, mandava uma cesta básica todos o mês e da Skincariool também vinha outra; com o desligamento da minha esposa da empresa que ela trabalhava, era para ter deixado de vir a cesta básica mensal, mais foi o contrário!

    Um erro no nome da minha esposa, de Mariana Amaral Oliveira, estava escrito na empresa: Maria Amaral Oliveira, a empresa despediu a Mariana Amaral Oliveira, mas a Maria Amaral Oliveira continuou sendo empregada da empresa e todo o mês a cesta vinha na porta da minha casa.

    No dia que chegou a minha aposentadoria, também foi substituído a forma da cesta básica da empresa, passou a ser no cartão magnético e ai a minha esposa foi automaticamente cortada, mas ai a vitória estava completa, para a nossa salvação.

    Na construção da minha casa, um dia a Wanayma, a minha caçulinha que na época tinha apenas três aninhos de idade, ouviu nós falar do telhado, que não tínhamos dinheiro para comprar as telhas e nem o madeiramento; pois o dinheiro que tinha do acerto que fiz na Usina Cerradinho, só tinha dado para respaldar a casa, faltava o telhado e o madeiramento.

    Ela fez uma oração e nós ouvimos as suas palavras, as quais são: "Pai do Ceu, aumenta o dinheiro do meu papai, pois eu quero ir morar na nossa casinha e não deixa faltar o meu leitinho, nem pra mim e nem pra minha irmãzinha"... Nesta época eu trabalha num outro emprego, na Usina São Domingos e recebia salário mensalista;

    No dia do pagamento, quando eu peguei o cheque, eu vi que estava errado, pois tinha dinheiro demais! Algo me induzia que eu guardasse o cheque e não falasse nada; mas mesmo assim, eu ainda dei instruções à minha esposa no dia seguinte para ela usar somente o nosso dinheiro e deixasse o outro para uma possível devolução;

    Cheguei na Usina e quando vi o meu encarregado, o Sedi, eu disse a ele: o meu pagamento veio errado! Ele disse : pra mais ou pra menos? Eu disse: pra mais! Ele disse: então é teu, use-o para comprar as telhas da tua casa! Realmente deu para comprar o telhado completo com madeira e telhas!

    Ainda hoje tenho a cópia do cheque guardado, onde está especificado os dois tipos de pagamento que veio, eu era mensalista e recebia 1.892,00 (na moeda de hoje seria uns três mil reais) e veio um salário mensalista e um outro horista, que era dos empregados contratados, o salário era horistas e eu era efetivado, o salário mensalista.

    São realmente muitas ações que eu e minha esposa fizemos para criarmos as nossas filhas, com o suor do meu rosto, trabalhei duro, não deixei faltar nada em minha casa; nunca esperei por ninguém e também nunca recebi um grão de arroz ou feijão das mãos deste Deus da CCB.

    O que eu tenho e o que eu comi a vida toda, foi fruto do meu trabalho e da minha esposa; recebi de um irmão chamado Vanderlei Valentin e sua esposa Kimi uma mão forte, que me hospedou em sua casa, quando chegamos em Catanduva e também uma compra que deu para suprir a nossa cozinha por quase três meses.

    Mas se eu disser que foi atendido pelo menos uma vez pelo o Deus da CCB ou da igreja CCB em si, eu estou mentindo, nunca! Nem mesmo quando recebi em minha casa uma serva do Deus da CCB, com carta recomendada pelo o Ministério de Rurópolis Pará;

    Que era pro Ministério de Catanduva SP acompanhar e dá assistência a ela, não recebemos nada! O Diácono com as irmãs da piedade vieram realmente na minha casa, oraram, mas foram embora sem deixar um grão de farinha para suprir  a serva de Deus.

    A única coisa que fiquei sabendo, foi que, o diácono disse que "Deus não tinha preparado nada para suprir a minha casa" e eu não precisava mesmo; mas os dois servos de Deus precisavam! Eles estavam em busca da tratamento para a esposa, que estava muito enferma.

    Enquanto que, em toda a minha vida de crente na CCB, eu sempre dei coletas e mais coletas, saiamos em atendimento na obra e nunca disse um não para as construções; mas receber alguma coisa desta obra, não, infelizmente nada! Cumpriu a minha oração aleluia.


    Última edição por Administrador em Ter Out 14, 2014 8:36 am, editado 4 vez(es)
    avatar
    Fco Oliveira
    Admin

    Mensagens : 1360
    Reputação : -1
    Data de inscrição : 13/07/2009
    Idade : 55
    Localização : Catanduva São Paulo

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Fco Oliveira em Dom Out 09, 2011 9:11 pm

    ESTA DECLARAÇÃO É SOBRE O QUE ACONTECEU NA MINHA VIDA, FOI ESCRITO PARA EXCLARECER TUDO SOBRE A MINHA VIDA CRISTÃ.

    Que
    todos saibam, que eu Fco da Costa Oliveira, casado, pai de duas
    maravilhosas filhas, cumpridor dos meus deveres como pai e dono de um
    lar; não tenho mais nada com e nem contra a instituição chamado CCB e nem
    contra o seu Ministério ou quem quer que seja.


    Eu,
    desde o ano de 1.983, que reneguei o batismo da CCB feito na maldita
    trindade pagã da Igreja Católica; se permaneci na comunhão da igreja CCB,
    foi por concideração ao que o ir. Nazor falou, que eu esperasse que um
    dia o Brás corrigisse os erros nas palavras do santo batismo.

    Mas,
    durante todos estes anos (30 anos) que frequetei a CCB, eu não me
    conciderava um membro oficial desta igreja, eu era apenas um
    testemunhado! A espera do Verdadeiro batismo, que nunca chegou e nem vai
    chegar.

    O batismo da CCB pra mim e pra todos que conhecem a
    bíblia é porcaria, não serve pra nada. Porque? Se os Católicos vão pro
    Céu, os crentes da CCB também vão, mais se os Católicos são pagãos, os
    crentes da CCB também são, pois, ambos são batizado do mesmo jeito.

    Se
    na visão dos evangélicos, os Católicos que morrerem sem ser batizado na
    CCB ou em outras denominações vão pro inferno, todos os crentes que
    foram batizado em Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo como os
    Católicos, também estão na mesma fila para entrarem no fogo do inferno.

    Segundo
    o que aconteceu na minha vida, muitos dizem que eu não sou qualificado
    para falar nada das coisas de Deus, pois eu sou pecador; eu venho a
    público dizer com todas as palavras: me mostre o meu pecado, onde eu
    errei e contra quem?

    Contra a doutrina pagã e maçonica da CCB, eu
    nunca fui fiel e jamais poderei ser, sendo que a CCB pra mim foi e é
    uma desgraça na minha vida e na vida de qualquer pessoa que entrar nela.
    A doutrina da CCB mata a alma e a vida de qualquer pessoa que entrar
    nela.

    Digo isto por conhecimento de
    causa, a irmandade ao desceu nas águas do santo batismo na CCB, já
    comprou o caixão, a sua morte espiritual é certa. Porque? Ninguém
    consegue ser firme e fiel a esta doutrina até a morte.


    Nos
    cem anos de existencia da CCB, digo sem medo de errar: nem um por cento
    de todos os que se batizaram na CCB, conseguiram cumprir a doutrina da
    graça maravilhosa chamado CCB e jamais conseguirar, isto é fato.

    A
    maior prova, está no próprio fundador, o ir. Louis Francesconi morreu
    bem longe desta heresia chamada CCB que ele mesmo criou; nenhum dos
    cooperadores do ir. Louis morreu fiel à doutrina da CCB que se tornou um
    cancer mortal espiritual na vida de qualquer um.

    Outro exemplo:
    os trinta milhões de crentes na beira do caminho, 90% foram excluido da
    CCB e só 10% foram excluidos das outras denominações evangelicas, então
    aqui temos a maior prova de que a doutrina da CCB é nazista, diabólica e
    mortal.

    Deixo aqui um apelo a todos que conhecem o meu testemunho e o que aconteceu comigo, por causa destas palavras de maldição pregada na CCB, se você é
    homem de Deus e tem coragem de falar o meu pecado e contra
    quem eu pequei e que estou condenado ao fogo do inferno;

    Eu vos digo: não pequei contra a CCB, pois eu nunca fui membro oficializado a ela. Contra o
    vosso Jesus Cristo também não, pois este eu também o reneguei, ao saber que
    ele é um maldito ídolo fabricado pela a ICAR;

    Contra o Deus da bíblia
    que a CCB adora, eu não sou servo dele, pois, jamais servirei ao Sol
    como meu criador e o Deus da bíblia é o Deus Sol Invicto.

    Contra o Deus do judaismo não é, pois, é o mesmo Deus do cristianismo pagão, o
    Deus Sol Ninrode o Pai, seu filho Tamuz Yeshua/Jesus e Samiramis/Maria o
    Espírito mais Santo do mundo, que é a maldita trindade da bíblia.


    Eu
    confesso a todos que nunca e jamais servirei a esta maldita trindade
    bíblica citada acima, isto eu deixei bem claro no dia em que o ir. Nazor
    me batizou na CCB.

    Eu disse a ele no mesmo dia, no almoço que
    foi servido na casa dele, comendo frango, eu o encontrei e disse tudo
    isto a ele; que tinha sido enganado e não considerava aquele batismo
    como sendo o batismo divino que eu buscava, portanto, nada do que eu fiz
    na minha vida não diz respeito a nenhuma denominação pagã como a CCB.

    Assim sendo, se existe um Deus contra quem eu pequei, que Ele venha falar direto comigo e me dizer o que eu devo fazer para lhe agradar; porque o que está ecrito na bíblia do Deus Sol Invicto, eu não sou crente Nele.

    Eu não sou "Ateu", porque? Ninguém consegue ser ateu de
    verdade! Porque? Ele sempre acreditou e vai sempre acreditar em Deus que
    o criou, isto é fato!

    Vamos as provas: todo ateu no seu leito de
    morte, na dor, na hora do disispeiro, ele clama por soccorro a Deus;
    então se ele continuar dizendo que é ateu, ele está mentindo.

    A
    palavra certa para todos que conhecem a Verdade como eu, é "gnostico ou
    agnóstico" que quer dizer: adjetivo e substantivo masculino de Adepto do
    gnosticismo.

    O gnosticismo do (francês gnosticisme)
    é o s. m. da [História religiosa] do Movimento religioso dos primeiros séculos do cristianismo.

    Esta
    ideológia dos patriarcas da Verdade, foram chamados de agnósticos, pois
    conheciam a Verdade dos fatos, vejam o que dizem sobre:

    O agnosticismo do (inglês agnosticism que é o
    substantivo
    masculino da [Filosofia da Verdade] e da Doutrina que declara o
    absoluto ou as questões metafísicas inacessíveis ao Espírito.

    Porque?
    O espírito para o humano, está muito além do seu compreender; por que o
    espírito diante da naturesa humana, não é passível de análise pela
    razão do homem carnal.

    Porque? O homem carnal só entende e
    compreende as coisas da matéria, do concreto, o palpavel e tudo que se
    diz o contrário é mentira; o homem não vê um espírito, não fala com um
    espírito, não ouve a voz de um espírito.

    Por esta razão, o homem é
    impossivel ouvir a voz de Deus! Pois Deus é Espírito. Todo homem que
    diz, confessa que ouve a voz de Deus, fala com Deus, ele é um tremendo
    mentiroso e todas as igrejas que prega que Deus fala lá, é uma farsante.

    Por
    esta Verdade absoluta, eu um dos Gideãos da CCB somos todos "Agnósto ou
    Gnóstico" pois somos conhecedores da Verdade absoluta dos fatos, por
    isto somos parte do Agnosticismo milenar, amém irmão!?
    avatar
    Fco Oliveira
    Admin

    Mensagens : 1360
    Reputação : -1
    Data de inscrição : 13/07/2009
    Idade : 55
    Localização : Catanduva São Paulo

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Armando Paxeco Furtado em Ter Jan 10, 2012 7:17 pm

    Tenho certeza que voce é um ATEU.

    Armando Paxeco Furtado

    Mensagens : 3
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 09/01/2012

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Fco Oliveira em Sab Jan 14, 2012 9:07 pm

    Meu caro irmão a paz esteja contigo, você está errado em não me conhecer direito e julgar com tanta precisão assim o que desconhece; eu sou um homem livre de religião, sou um agnóstico, que busco conhecer a Verdade dos fatos em si e não um atoa-ateu!

    Gostaria muito que o amigo trocasse este seu nome, ficou muito áspero, seja sincero com você mesmo e com os outros, do que tem medo? Que alguém o reconheça aqui? Use seu nome real e fale de cara limpa o que sabe...
    avatar
    Fco Oliveira
    Admin

    Mensagens : 1360
    Reputação : -1
    Data de inscrição : 13/07/2009
    Idade : 55
    Localização : Catanduva São Paulo

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Rossini em Seg Fev 20, 2012 9:35 pm

    A PAZ de Deus a todos,sou cristão e sirvo a Deus na CCB,não concordo com o que diz o sr.Francisco da Costa Oliveira e nada tenho contra ele,só acho que ele não deveria falar mal da CCB em um Site para os membros da CCB e também acho que o Site não deveria aceitar estes tipos de comentários maldosos contra a Obra de Deus ou é um Vale Tudo - Que o Senhor Nosso Deus tenha Misericordia de Nós todos - Amém.

    Rossini

    Mensagens : 1
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 20/02/2012

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Fco Oliveira em Ter Fev 21, 2012 6:24 pm

    Nobre amigo Rossini, o site não é um vale tudo, você foi que não leu e nem entendeu onde você está! No slogan do site está escrito a sua finalidade e o para que serve, veja:

    Gideões da CCB-Livres. :: Forum de ensinar como ser livre da escravidão riligiosa! :: Testemunhos Reais: conte aqui a sua História de como Deus te libertou da escravidão das igrejas religiosas!
    Agora se você não leu o slogan do site, está perdoado o "maldoso", mas só para explicar ao nobre irmão, pelo o que se sabe, falar a Verdade meu amado, nunca foi crime e nem pecado, amém!!
    Tudo o que eu falei, sou testemunho vivo, o irmão Nazor não pode mais testificar, pois já dorme o sono eterno; mas o meu testemunho citado acima é real e eu assino embaixo. A CCB e todas as religiãos do mundo, é um maldito sistema comercial e pagão.
    Deus nunca esteve dentro da CCB, nem na Assembleia de Deus ou qualquer outra denominação, o Deus da bíblia, é o maldito Deus Sol Invicto Ninrode e seu Filho Tamuz, que traduzido pra nós hoje é Jesus.
    Assim sendo reafirmo o que disse: não sou mais escravo deste maldito sistema denominacional religioso; hoje eu e minha casa somos Livres deste maldito sistema diabólico que escravizou o mundo.
    avatar
    Fco Oliveira
    Admin

    Mensagens : 1360
    Reputação : -1
    Data de inscrição : 13/07/2009
    Idade : 55
    Localização : Catanduva São Paulo

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por PAULO BRANDÃO em Sab Fev 25, 2012 11:24 pm

    irmão francisco eu passei pela mesma situação que a sua só que no meu caso foram duas vezes .Eu não posso entrar em detalhes aqui nesse site mais posso adiantar que estou todo aleijado perdi tudo familia,saúde,emprego,
    Essas coisa comigo aconteceram há mais de 15 anos só que continuo com as sequelas graves .Há muito tempo eu queria comentar com você sobre isso porque a sua história se parece muito com a minha .
    Estou parado na graça por causa disso há muitos anos não suporto mais a
    congregação cristã no brasil tenho até trauma dessa igreja acho que seja por causa das coisas ruins que me aconteceram . Sad Sad Sad
    A paz fique com você e com todos Amém...
    avatar
    PAULO BRANDÃO

    Mensagens : 11
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 30/09/2011

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Fco Oliveira em Dom Fev 26, 2012 6:24 am

    Nobre irmão Paulo a paz esteja contigo e em sua casa, as vezes me recordo, de quantas vezes eu cheguei em minha casa chorando, vindo da igreja, depois de ouvir aquelas malditas palavras de exclusão (você não é mais digno de está neste lugar, você está morto-fedendo a defunto etc) batendo a cabeça nas paredes, me questionando por que Senhor, porque tudo isto?

    Hoje, dou graças ao Altissimo Deus, que me libertou desta maldição, hoje eu sou um homem feliz, vou onde quero, levo a minha família aonde eles querem ir, faço o que a minha alma deseja sem restrições e nem conciencia pesada nenhuma.

    Amo a todos os meus semelhantes imparcialmente! Que é uma das maiores maravilha do mundo, coisa que os crentes em geral desconhecem, pois só amam os da sua igreja.

    Temos muitas coisas a falar, do que esta maldita igreja CCB e sua doutrina de demônio, tem feito com o povo na terra; o Ministério não tem ideia do mal que estas palavras de maldições que eles pregam, causam na vida das pessoas, é maldade e maldição pura!

    Sejas bem vindo meu amado ao nosso mundo Livre desta maldição, se queres falar e contar o seu testemunho, é bom, liberta a alma, eu me sinto livre, depois que joguei fora a vergonha de falar a Verdade que aconteceu na minha vida. Que o Eterno Deus Criador nos abençoe e nos ilumine no seu caminho.
    avatar
    Fco Oliveira
    Admin

    Mensagens : 1360
    Reputação : -1
    Data de inscrição : 13/07/2009
    Idade : 55
    Localização : Catanduva São Paulo

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por PAULO BRANDÃO em Qua Fev 29, 2012 1:28 am

    Irmão francisco a paz esteja contigo novamente eu quero dizer que me sinto aliviado em dividir essa história com
    o irmão pois vi que o mesmo sofreu muito igual a mim .
    Só para o irmão ter uma ideia das coisas que aconteceram comigo de ruim foram tão graves que hoje 16 anos depois ainda necessito de tratamento medico .não possuo muita coodernação motora para poder escrever certo por causa das sequelas
    dos acidentes que me aconteceram e me tiraram movientos dos membros tenho medo de expor minha história completa aqui
    por ela ser igual há um filme de terror .
    Li Todo o seu testemunho e acredito que nós dois passamos pela mesma situação só que eu fui vitima duas vezes e agora
    carrrego um corpo cheio de cicatrizes e mutilações sem contar com deficiencia motora grave .
    Qualquer dia eu escrevo aqui nesse site tudo que me aconteceu e o geito que fui aniquilado quando era crente da congregação
    cristã no brasil

    Irmão francisco a paz seja contigo e com todos .
    avatar
    PAULO BRANDÃO

    Mensagens : 11
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 30/09/2011

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por carlajo em Seg Mar 05, 2012 5:03 pm

    Irmao Francisco,eu estou profundamente feliz em ouvir os seus testemunhos, grande e maravilhoso é o nosso ETERNO YAHU, este nome tem poder nao desanime pois,temos uma luta muito grande pela frente, nao me recordo bem, mas tem um versiculo que diz que no fim dos tempos todos os escolhidos seriam odiados, por professar o seu santo nome, e este versiculo se cumpre em todos nós que negamos a este jesus maldito.
    Que a paz de YAHU UL, E O MESSIAS YAHUSHUA, esteja com todos nós.AMNAO!

    carlajo

    Mensagens : 7
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 05/03/2012

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Fco Oliveira em Sex Mar 09, 2012 1:52 pm

    Minha querida irmã a paz esteja contigo e em seu coração, o versículo que você mencionou é Mat. 24;9 Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.


    O único problema é quem falou isto aqui foi um monge da ICAR e não o Filho do Eterno Criador, pois até ontem, Ele ainda não tinha vindo ao mundo cumprir o que está escrito na torah e no tana'ch; a mais clara verdade é que Ele não vai vir nunca!

    Este versículo foi com toda a certeza adicionado na bíblia posterior aos relatos do evangelho de Mateus/Matityahuh, pois isto só foi possivel com a santa inquisição criada pela a ICAR, pois até a santa inquisição não entrar em sena, nada disto aconteceu.

    Ou seja, a ICAR fazia as monstruosidades criminosa das ações do Imperador e escreviam na bíblia, que era para o povo idiota crê que era profecia e isto aconteceu com vários outros assuntos da bíblia.

    Se Yeshua/Jesus fosse o Filho de Deus, todos saberíam o Nome deste personagem do versículo citado, mas como não é, se pergunta: que Nome é este que todos seriam odiados das nações por causa dele? Qual dos 16 homens santos que se proclamara Messias Filho de Deus é o Verdadeiro Nome?

    Não existe um só Nome, são vários e cada um quer ser o eleito Messias que veio trazer o reino de Deus, o grande problema é onde está este Reino que Yeshua/Jesus trouxe ao mundo? Ninguém sabe qual o País que este Reino está, porque a bíblia é clara: chegou a você o Reino de Deus.

    Não é pra segunda vinda, é pra já, este Reino era pra está manifestado no mundo a dois mil anos atráz e ai? Temos que ser enfáticos com as mentiras deste livro maldito? Sim! Usando as suas palavras: se Yeshua/Jesus é um falso Messias "maldito", todos os outros Nomes deste falso Messias também o é!

    Pois todos os crentes neste falso Messias com nomes hebraico (Yeshua, Yahshuah, Yahushua, Yehôshua, Yahoshua etc), estão usando os mesmos evangelhos, os mesmos discípulos, a mesma História mentirosa, portanto, todos os nomes hebraicos também são malditos, pois se trata do mesmo personagem.

    O Verdadeiro Mashiach Prometido no tana'ch ainda não veio ao mundo, como o Reino de Deus também ainda não veio ao mundo, os evangelhos da bíblia é realmente uma fraude!
    avatar
    Fco Oliveira
    Admin

    Mensagens : 1360
    Reputação : -1
    Data de inscrição : 13/07/2009
    Idade : 55
    Localização : Catanduva São Paulo

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    heloi anadac iusia ycante

    Mensagem por hiaiam em Qui Set 20, 2012 9:53 am

    Meu caro,você quer que eu conte oque você fez e o motivo dessa revolta,é vergonhoso falar aqui você esqueceu da outra parte da palavra Deus te prometeu só derrota ? na nossa vida tudo é consequência dos nossos atos ou você quer que Deus te guiei 24 horas você tem o direito de escolha,isso se chama livre arbítrio,só não pode atacar algo estando completamente errado você sabe muito bem do que estou falando,se você não acredita mais na religião Congregação Cristã pare de falar dela quando não gostamos de algo ignoramos deixamos de lado pois não nos faz bem,sabe porque você ainda não alcançou sua vitória porque você almejou algo muito grande que só Deus podia mover tudo a teu favor e Deus te passou sim por grandes provações mais será que você foi firme se arrependeu e foi é digno de vitória ? pense com você.Só te digo algo respeite a religião alheia e o Deus que seguimos,esse fórum tem que sair do ar pois o meu Deus é justo,pode até continuar o fórum mais que você vai receber o aperto por isso você vai meu Deus é amor mais é justiça também não sei como ele vai operar daqui pra frente mais que vai ser da melhor maneira ele vai e em Nome de Jesus abra-te tua mente e fecha tua boca e enxergue a verdade.

    hiaiam

    Mensagens : 2
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 20/09/2012

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Fco Oliveira em Qui Set 20, 2012 7:13 pm

    Nobres irmãos a paz esteja convosco, viram aqui o depoimento de um pucha saco do Deus surdo, cego, mudo e aleijado da CCB? O que este escravo enganado por este maldito Sistema Denominacional Religioso Maçônico que ele serve, ainda não percebeu, que, só nos tornamos pecadores, quando se é santo!

    É o que eu sempre fui durante todo estes 12 anos que eu servir este Deus surdo da CCB; eu era irrepreensivel em tudo, fiel à doutrina, amava essa obra e cria que a CCB era a única graça de Deus na terra, mas depois desta maldita palavra que eu contei a vocês, tudo isto mudou de um dia para o outro.

    Que livre arbítrio é esse que você fala meu caro? Que só podemos pedir e não receber nada do Deus que servimos, é isto que você está insinuando? Para o seu governo, eu só me tornei o lixo que você ameaçou falar, depois desta maldita palavra, pois antes dela, eu era um santo diante do povo e de você.

    O que o irmão faria no meu lugar? Você já pensou no meu estado em que me encontrei, depois desta palavra? Não né maestro, reger a orquestra da vida dos outros é maravilhoso, eu quero ver você no lugar do músico.

    O que pode um homem fazer, sem o seu juízo normal? Olhe para um doido mental, o que ele pode fazer de certo na vida? Nada! Tudo o que ele faz, não tem regra, doutrina e nem direção; foi o que aconteceu comigo meu irmão.

    Só para o amado irmão santinho ver a minha situação, eu não sabia nem o endereço da minha casa, estava completamente louco, sem guia e sem destino; saia da firma e não sabia para onde ir, quela palavra maldita foi como um entorpecente mortal na minha mente.

    Até o dia em que me encontrei num quarto de uma pensão com uma mulher, que eu só sabia que era a mãe de um dos meus alunos de música; quando acordei estava sem roupa, até hoje eu não sei o que aconteceu naquele quarto.

    Daquele dia em diante, esta irmã me acolheu como se eu fosse o seu esposo e eu não tinha força para evitar ela, era uma maldição terrível, eu não tinha noção de nada, absolutamente nada e você vem aqui falar de livre arbítrio, você deve está com febre, você não tem ideia do que aconteceu comigo.

    Julgar os outros é muito fácil, eu quero ver você no meu lugar! Dizer ao mundo que sou pecador de morte segundo a doutrina desta maldita igreja, eu nunca neguei isto a ninguém, a minha esposo verdadeira é testemunha disto, tanto é que estou com ela até hoje.

    Ela sabe quantas vezes foi me buscar na rua e trazer pra dentro de casa, você já imaginou na minha situação, olhar pras minhas filhas e não as conhecer? Se ponha no meu lugar e veja a minha situação e o grau de injustiça que a CCB cometeu comigo?

    Segundo o doutor Souza, eu fui considerado louco, e nem assim os irmãos da CCB tiveram compaixão da minha alma, excluíram-me da comunhão da igreja sem dó e você foi e é mais um dos criminosos neste caso, que vem aqui me condenar mais uma vez.

    Só para esclarecer ao mundo a minha situação, o ministério mandou o irmão Laurentino tirar a minha liberdade e ele foi na minha casa para realizar o edito mortal, só que ele foi iluminado e viu que existia algo errado em mim, pois eu não estava em meu juízo normal;

    Ele disfarçou e não falou nada sobre o assunto de tirar a minha liberdade, oramos juntos e ele voltou pra sua casa e sempre me recebeu gostoso em sua igreja onde ele atendia. O Saudoso irmão Moacir Nunes também viu a minha situação e percebeu a mesma coisa, voltou sem tirar a minha liberdade.

    O irmão Moacir sempre me aceitou como seu irmão, ia em minha casa e nunca deixou de me saudar com a paz de Deus; enquanto que você, quando me via virava o rosto!! É assim que você se considera servo de Deus? Onde está o amor de Deus em teu coração?

    Você é mais do um hipócrita, um assassino injusto, isto sim, é o que você e toda a irmandade que segue essa doutrina são por amor a esta maldita igreja CCB. Que o Eterno Deus tenha compaixão da tua alma e te abençoe e te perdoe por estas ofenças que tens feito injustamente a mim.
    avatar
    Fco Oliveira
    Admin

    Mensagens : 1360
    Reputação : -1
    Data de inscrição : 13/07/2009
    Idade : 55
    Localização : Catanduva São Paulo

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    yuni cante saindi no chori

    Mensagem por hiaiam em Seg Set 24, 2012 11:08 am

    Caro irmão você está falando coisa com coisa você esqueceu que os loucos também herdarão o reino do céu? e outra não conheço você eu tive uma visão mostrando tudo que você fez se você quiser eu coloco aqui coisas até antes do estado de loucura te atacar não estou te julgando e sim você está fazendo isso generalizando chamando-nos de assassinos ai está seu maior erro,em nenhum momento usei de palavrão contigo sabe por que? porque eu tenho oque argumentar e outra se você se diz tão louco que não tem noção das suas "atitudes" devia estar em tratamento não em um fórum público falando asneiras aos 4 ventos,porque sua opinião não irá mudar em nada as nossas vidas pelo contrario CCB continua crescendo pela graça de Deus e novos templos são construídos a todo momento tu nos chamas de prisioneiros e de outros argumentos baixos mais saiba que somos prisioneiro de Deus é por escolha e somos muito felizes já você e sua família sabemos que não! a partir de agora você vai sentir o poder do nosso Deus! você sabe que até o Diabo tem que pedir permissão a ele sabe por que ? porque o Diabo é fraco sujo perdedor e eu não temo o inimigo porque na biblia diz "teimei somente o teu Deus".
    @Gideão da CCB Livre escreveu:Nobres irmãos a paz esteja convosco, viram aqui o depoimento de um pucha saco do Deus surdo, cego, mudo e aleijado da CCB? O que este escravo enganado por este maldito Sistema Denominacional Religioso Maçônico que ele serve, ainda não percebeu, que, só nos tornamos pecadores, quando se é santo!

    É o que eu sempre fui durante todo estes 12 anos que eu servir este Deus surdo da CCB; eu era irrepreensivel em tudo, fiel à doutrina, amava essa obra e cria que a CCB era a única graça de Deus na terra, mas depois desta maldita palavra que eu contei a vocês, tudo isto mudou de um dia para o outro.

    Que livre arbítrio é esse que você fala meu caro? Que só podemos pedir e não receber nada do Deus que servimos, é isto que você está insinuando? Para o seu governo, eu só me tornei o lixo que você ameaçou falar, depois desta maldita palavra, pois antes dela, eu era um santo diante do povo e de você.

    O que o irmão faria no meu lugar? Você já pensou no meu estado em que me encontrei, depois desta palavra? Não né maestro, reger a orquestra da vida dos outros é maravilhoso, eu quero ver você no lugar do músico.

    O que pode um homem fazer, sem o seu juízo normal? Olhe para um doido mental, o que ele pode fazer de certo na vida? Nada! Tudo o que ele faz, não tem regra, doutrina e nem direção; foi o que aconteceu comigo meu irmão.

    Só para o amado irmão santinho ver a minha situação, eu não sabia nem o endereço da minha casa, estava completamente louco, sem guia e sem destino; saia da firma e não sabia para onde ir, quela palavra maldita foi como um entorpecente mortal na minha mente.

    Até o dia em que me encontrei num quarto de uma pensão com uma mulher, que eu só sabia que era a mãe de um dos meus alunos de música; quando acordei estava sem roupa, até hoje eu não sei o que aconteceu naquele quarto.

    Daquele dia em diante, esta irmã me acolheu como se eu fosse o seu esposo e eu não tinha força para evitar ela, era uma maldição terrível, eu não tinha noção de nada, absolutamente nada e você vem aqui falar de livre arbítrio, você deve está com febre, você não tem ideia do que aconteceu comigo.

    Julgar os outros é muito fácil, eu quero ver você no meu lugar! Dizer ao mundo que sou pecador de morte segundo a doutrina desta maldita igreja, eu nunca neguei isto a ninguém, a minha esposo verdadeira é testemunha disto, tanto é que estou com ela até hoje.

    Ela sabe quantas vezes foi me buscar na rua e trazer pra dentro de casa, você já imaginou na minha situação, olhar pras minhas filhas e não as conhecer? Se ponha no meu lugar e veja a minha situação e o grau de injustiça que a CCB cometeu comigo?

    Segundo o doutor Souza, eu fui considerado louco, e nem assim os irmãos da CCB tiveram compaixão da minha alma, excluíram-me da comunhão da igreja sem dó e você foi e é mais um dos criminosos neste caso, que vem aqui me condenar mais uma vez.

    Só para esclarecer ao mundo a minha situação, o ministério mandou o irmão Laurentino tirar a minha liberdade e ele foi na minha casa para realizar o edito mortal, só que ele foi iluminado e viu que existia algo errado em mim, pois eu não estava em meu juízo normal;

    Ele disfarçou e não falou nada sobre o assunto de tirar a minha liberdade, oramos juntos e ele voltou pra sua casa e sempre me recebeu gostoso em sua igreja onde ele atendia. O Saudoso irmão Moacir Nunes também viu a minha situação e percebeu a mesma coisa, voltou sem tirar a minha liberdade.

    O irmão Moacir sempre me aceitou como seu irmão, ia em minha casa e nunca deixou de me saudar com a paz de Deus; enquanto que você, quando me via virava o rosto!! É assim que você se considera servo de Deus? Onde está o amor de Deus em teu coração?

    Você é mais do um hipócrita, um assassino injusto, isto sim, é o que você e toda a irmandade que segue essa doutrina são por amor a esta maldita igreja CCB. Que o Eterno Deus tenha compaixão da tua alma e te abençoe e te perdoe por estas ofenças que tens feito injustamente a mim.

    hiaiam

    Mensagens : 2
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 20/09/2012

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Fco Oliveira em Seg Set 24, 2012 3:53 pm

    Meu irmão este assunto não é pra ser debatido, não coloquei ele aqui pra ser questionado; fatos acontecidos não tem como debater, é fato concreto, que já aconteceu e ponto final.

    Sobre a minha situação de saúde, o amado esqueceu que eu relatei no testemunho, que tinha recuperado a memória: quando eu voltei em meu estado normal, eu estava dentro de uma igreja Assembleia de Deus em Xinguara Pará...

    Então eu hoje estou bem de saúde, em meu juízo perfeito, depois que saiu aquele espírito maligno que eu tinha recebido através das palavras de maldições pregada na CCB; eu voltei ao meu estado normal de saúde mental e pisícca.

    O que eu estou falando aqui no fórum e nos demais fóruns de debates teológico, judaico e cristãos, é em meu estado norma de saúde menta; não estou mais enfermo e nem preciso de médico Psiquiátrico.

    Se o irmão quer defender a sua amado igreja das acusações que o povo e a irmandade estão acusando-a, vá neste fórum aqui e faça a defesa dela se puder, que eu duvido muito que você tenha bagagem para refutar os fatos provados em cartório, Boletim de Ocorrências etc que estão registados contra a CCB.

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com/f7-materias-de-debates-sobre-os-membros-enganados-pela-a-ccb

    Os irmãos da CCB que quiserem defender a doutrina, os desmando, a falta de amor, os roubos de coletas, a ditadura marxista do Ministério da CCB, vá neste fórum citado acima, tá?
    avatar
    Fco Oliveira
    Admin

    Mensagens : 1360
    Reputação : -1
    Data de inscrição : 13/07/2009
    Idade : 55
    Localização : Catanduva São Paulo

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Fco Oliveira em Qua Jul 24, 2013 11:23 am

    Pois é irmão Renato, você foi sábio em ver os dois lados da moedas e muito sensato em ver e julgar com justiça. Concordo plenamente com você quando disse:


    "É infelizmente mais um que confiou nas palavras pregadas nas denominações e no fim acabou se dano mau. Pelo jeito só cumpriu as palavras de maldições.

    Agora devemos tomar muito cuidado ao tentar associar as palavras pregadas nos púlpitos das denominações como sendo palavras inspiradas por Deus."

    Sim realmente só se cumpriram as palavras de maldições, que o Deus Espírito Santo falou na boca do ancião; mas as promessas de bênções que deveria ter vindo logo depois, nada.

    Só para concluir este assunto da minha biografia, vou narrar as datas e os personagens envolvidos:

    1- no ano de 1982 quando eu fui batizado na CCB pelo o saudoso ir. Nazor no km 70 Altamira à Itaituba; eu fui convidado por ele a ir almoçar na sua casa, pois ele tinha feito um almoça para a irmandade.

    A) depois do almoço eu o encontrei e o disse a ele estas palavras: irmão eu deixei a ICAR por causa da Trindade, reneguei o batismo dela por causa da Trindade e só vim para esta igreja, por que fui informado que aqui eu seria batizado de acordo com a palavra de Deus escrito em Atos 2;38 no Nome do Senhor Jesus Cristo e isto não aconteceu!

    B) então diante de Deus e de você eu renuncio este batismo também! Não vou aceitar este batismo de jeito nenhum e o irmão vai dá um jeito de corrigir ele pra mim.

    C) ele fez de tudo para corrigir o meu batismo, no ano 1984 quando eu já era porteiro da casa de oração de Medicilândia Pará, o ir. Nazor veio, dormiu em minha casa e me convidou a participar da reunião dos anciãos que aconteceria naquele mês.

    D) ele relatou as minhas palavras diante do irmão Vitório e dos demais irmãos ancião da reunião, onde muitos deles agiram com desdém e piadinhas de mau gosto, sai da reunião fervendo de ódio em ver aquela cena horrível.

    2- no ano de 1990 eu me mudei para Catanduva São Paulo, entreguei a carta de membro ao ir. Moacir Nunes, cooperador do Bairro do Belém, onde congreguei por 3 anos.

    3- no ano de 1991, eu procurei o ir. ancião Paulo Augusto Botan que era ancião na Natal, hoje ancião do Jardim São Domingos, implorei a ele que me batizasse de acordo com a palavra de Deus escrito em Atos 2;38.

    A) ele não me atendeu e nem deu ouvido ao meu apelo desesperado, simplesmente ignorou, citou alguns testemunhos vazio e fomos embora.

    4- no ano 1996, aconteceu o meu acidente vascular! Onde eu perdi o sentido da vida e tudo que eu citei no meu testemunho aconteceu neste ano; no mês de Abril eu cheguei a tombar o caminhão da firma Terracat, onde eu fiquei cego.

    A) agora pergunte aos 4 anciãos da época, David Trevisan, Paulo Botan , Marcos Antonio Zuquine e Acácio Amado Junior, qual dele me fez uma visita durante todos estes anos? Nenhum!

    B) pergunte a eles sobre o meu acidente vascular, que foi o motivo de eu ter tombado o caminhão da firma e perdi a visão do olho? Nenhum deles sabe de nada disto! Por que?

    C) o santo Ministério da CCB, só ver o pecado da irmandade, as necessidade do povo, as enfermidades eles não vê; pois estão muitos ocupados vigiando o pecado do povo contra a sã doutrina!

    5- no ano de 2002 eu enviei uma carta a todos os anciãos de Catanduva, pedindo pelo amor de Deus, que não me deixasse morrer sem o tal batismo em Nome do Senhor Jesus Cristo escrito em Atos 2;38 e sabem que veio me atender? O Paulo Botan!

    A) quem quiser conferir, venham aqui em minha casa, que eu levo você na casa dele e vamos juntos ouvir da boca dele tudo isto que falei aqui. Agora se preferir, pode dá uma de detetive, ligue pra ele e pergunte se isto realmente aconteceu assim.

    6- no ano de 2005 eu comprei o meu primeiro computador e foi ai que eu comecei a estudar realmente a bíblia, junto com os irmãos do Jurista-CCB.

    A) a minha primeira matéria foi sobre a Trindade, o irmão Jahyr está aqui e vivo e pode testificar isto, que eu não estou mentindo.

    B) quando o jurista-ccb foi extinto, o Mário Torre criou o ccbsemsensura, eu criei o Gideão da CCB
    e o ir. Lourival criou depois o Nas Pegadas do Mestre Jesus, agora alguém se lembra qual foi a minha escada na vida do conhecimento da bíblia? Não! Por que vocês só veem os tombos dos outros, mas ninguém ver os goles que eu tomei.

    Vou relatar em poucas palavras, enumerando-os para que não haja dúvidas:

    1- descobrir e confirmei que o batismo na Trindade não valia nada, todos vocês aqui e no apostoloprimitivo sabem da minha luta contra esta maldita doutrina da ICAR.

    2- juntando todas as mentiras que envolve a doutrina da SS. Trindade, cheguei a conclusão de que não era somente essa doutrina, mas todo o conteúdo da bíblia, era uma fraude.

    A) mas eu insistia em crer no Mashiach/Messias salvador do mundo, não queria aceitar que tinha sido enganado pelo o Deus Sistema Denominacional Religioso Maçônico.

    B) foi ai que eu fiz o curso do hebraico para poder encontra a verdade não mais na bíblia, que eu já havia jogado no lixo; mas sim nas escrituras sagradas dos judeus Messiânicos.

    3- em 2010 foi provado que o Yeshua Ben Yoshef não tinha ressuscitado e que ele não era o Jesus Cristo adorado pelos os cristãos; pois Yeshua era casado com Mariâmini e tiveram filhos e o Jesus Cristo era celibato.

    C) foi ai que entrei em contatos com os Rabinos de Jerusalém e o meu mundo cristão que já estava abalado, ruiu de vez, com a queda do Cristo em 2012; eu reneguei o falso Jesus Cristo do cristianismo e também o falso Mashiach Yahushuah do Judaísmo.

    D) em 2011 eu criei o fórum: "As Mentiras e Contradições da Bíblia"

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com/f12-as-mentiras-e-contradicoes-da-biblia

    Que com matérias Arqueológicas foi provado que a bíblia dos hebreus e cristão é a História mais confusa de toda a História da humanidade.

    E aqui estou eu, Livre desta escravidão religiosa, vocês que estiveram todo o tempo ao meu lado, não evoluíram um centímetro em favor da verdade;

    Vocês que preferiram somente debochar de mim que estava em busca da verdade que realmente liberta a alma do medo e do engano e ai estão, como cegonhas marabus, catando caspa uns dos outros sem chegar a lugar nenhum.

    Eu lutei e fui além do esperado, mas hoje conto a vitória de cabeça erguida e vocês, o que fizeram de vossas vidas miseráveis e enganados?

    Nada, ainda continuam amantes da mentira e escravo do engano deste falso Cristo criado pela o Deus Sistema Maçônico e ainda tem a petulância de me chamar de pecador, réu confesso etc.

    Agora eu vos pergunto: qual foi a doutrina que eu assassinei? Da vossa igreja CCB? Nunca fui membro dela e nem tinha compromisso com ela, pois nunca a aceitei como divina!

    Seu eu sou réu confesso, você pode provar isto em juízo ir. Izaias, quem foi que eu assassinei? As palavras da bíblia? Elas nunca tiveram vidas meus amados, então não fui eu quem as matei, amem irmãos!?!
    avatar
    Fco Oliveira
    Admin

    Mensagens : 1360
    Reputação : -1
    Data de inscrição : 13/07/2009
    Idade : 55
    Localização : Catanduva São Paulo

    http://gideoes-ccb.forumeiros.com

    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Re: O Peso da Palavra Pregada na CCB! Nunca mais Eu quero Ouvir!

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Conteúdo patrocinado


    Voltar ao Topo Ir em baixo

    Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

    - Tópicos similares

     
    Permissão deste fórum:
    Você não pode responder aos tópicos neste fórum