Gideões da CCB Livre de Religião.
Buscar
 
 

Resultados por:
 

 


Rechercher Busca avançada

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Dezembro 2016
SegTerQuaQuiSexSabDom
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031 

Calendário Calendário

Estatísticas
Temos 1226 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de Marcos T

Os nossos membros postaram um total de 1695 mensagens em 551 assuntos

O Verdadeiro Entendimento da Lei nas Cartas Paulinas!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O Verdadeiro Entendimento da Lei nas Cartas Paulinas!

Mensagem por Salomão em Seg Mar 11, 2013 10:27 pm



O VERDADEIRO ENTENDIMENTO DA LEI NAS CARTAS PAULINAS

Hoje no mundo cristão o assunto Lei nas cartas de paulo é interpretado de varias formas. Uns dizem que não estamos mais debaixo da lei e por isso não é necessario mais observa-la.

Outros dizem que a Lei anula a graça! Também se fala que observar a Lei é buscar salvação pelas obras. Um grupo fala sobre a dispensação da lei ......etc
E Paulo , o que realmente fala sobre a Lei?

Depois de um apurado e cuidadoso estudo sobre este assunto, chegamos a conclusão que paulo condena duas coisas em relação a Lei:

1- O mal uso da lei .
2- A observãncia desnecessaria de mandamentos que foram abolidos .
Não se percebe nada além desse pontos citados acima!

O objetivo desse estudo é esclarecer de uma maneira sólida o que realmente Paulo falou sobre a Lei.

primeiro ponto:
1- O mal uso da lei
Em 1 timotéo 1 :8 Paulo diz: "Sabemos, porém, que a lei é boa, se alguém dela usa legitimamente;"



Aqui nasce duas importantes perguntas:

1-Qual é o jeito legitimo de se usar a Lei?
2-Qual é o jeito errado de se usar a Lei?

Uma coisa já ficou clara, se existe um jeito legitimo de se usar a Lei , então, ela é util para algum fim. E se ela pode ser usada , então, é porque deve ter uma função necessaria.

Aqui deriva uma terceira pergunta:

3-Qual é a função necessaria da Lei?

Paulo deixa claro nos textos abaixo que a função necessaria da Lei é identificar o pecado:

Romanos 3:20 " Por isso nenhuma carne será justificada diante dele pelas obras da lei, porque pela lei vem o conhecimento do pecado"

Romanos 7:7 "Que diremos pois? É a lei pecado? De modo nenhum. Mas eu não conheci o pecado senão pela lei; porque eu não conheceria a concupiscência, se a lei não dissesse: Não cobiçarás". (Paulo disse que não conheceria concupiscência, se a lei não dissesse)

Romanos 4:15 "Porque a lei opera a ira. Porque onde não há lei também não há transgressão."
( pois não existiria alguma coisa que explicasse o que é pecado, e as transgressões poderia ser fruto de uma inocente ignorância)

A resposta para a primeira pergunta é:

A função necessaria da Lei é identificar, apontar, explicar, fazer saber o que é pecado.
A Lei tem a função de ensinar o caminho certo mostrando o que seria o caminho errado, transgredir a Lei conscientemente, seria escolher o caminho errado deprezando o caminho certo .

É por isso que paulo diz em Galatas 3:12 "Ora, a lei não procede de fé, mas: Aquele que observar os seus preceitos por eles viverá."(pela fé e Lei)

A Lei revela conhecimento de alguma coisa que tem que ser evitada , "o pecado".
A lei é como uma dessas placas escritas, "perigo", risco de vida. essas placas não salvam ninguem por si só, mas serve para advertir do perigo que estão correndo.

Muitos morrem por ignorar as informações dessas placas.
É por essa função que Paulo faz elogios a LEI :
Romanos 7:12 " A Lei é Santa"!
Romanos 7:14 " A Lei é espiritual"!
1 Timoteo 1:8 " A Lei é boa "!
Paulo disse que tinha prazer na Lei de Deus em Romanos 7:22.



Com isso chegamos a conclusão que tudo no plano de Deus tem uma função necessaria.

1- A função necessaria da Graça é salvar . Eféisos 2:8
2- A função necessaria da Fé é justificar. Romanos3:28
3- A função necessaria da Lei é identificar o pecado. Romanos3:20
Uma não pode fazer a função da outra.
A Lei não pode ter a função da Fé. Galatas 2:16 , Romanos 3:28

A Fé não pode fazer a função da Lei . Romanos 3:31
A Graça não pode fazer a função de ambas
E nem a Lei e a Fé pode fazer a Função da Graça.

A função da fé acontece independente da Lei , como a função da Lei acontece independente da Fé, mas a função da Graça depende da Fé pois esta escrito:

Efésios 2.8 "Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus";
Assim todas trabalham juntas no processo da salvação do homem.

O Espirito Santo me convece do pecado APONTADO PELA Lei , eu busco perdão e justificação pela Fé em Cristo, e sendo justificado , recebo a Graça que salva.
É por esses motivos que a Fé é indispensavel , assim como a Lei e a Graça pois ainda as suas funções são necessarias!

Usamos mal a Lei quando tentamos atribuir a ela a função que é da Fé , o de justificar. Quando fazemos isso, estamos desequiibrando todo o processo de salvação
eliminamos a Fé, sem Fé a Graça não é exercida e se torna em vão tudo o que Cristo fez por nós.

Paulo deixa isso bem claro em Galatas 5:3 "De Cristo vos desligastes, vós que procurais justificar-vos na lei; da graça decaístes".
chegamos a conclusão obvia e cristalina que paulo condena o" justificar-se na Lei" e não a própria Lei EM SI!

Segundo ponto:

2- A observãncia desnecessaria de mandamentos que foram abolidos.
Paulo em Efésios 2:15 diz: "aboliu, na sua carne, a lei dos mandamentos na forma de ordenanças, para que dos dois criasse, em si mesmo, um novo homem, fazendo a paz",

1-porque esses mandamentos foram abolidos? porque não eram bons? porque ninguem conseguiu obedece-los? ou porque eram transitórios?

Galatas 3:19 "Qual, pois, a razão de ser da lei? Foi adicionada por causa das transgressões, até que viesse o descendente a quem se fez a promessa, e foi promulgada por meio de anjos, pela mão de um mediador".

2- A Lei foi adicionada até quando ? resposta: Até que viesse o descendente a quem se fez a promessa. então A Lei adicionada tinha um tempo de validade!!!
Esses mandamentos foram abolidos porque foram adicionados para serem usados até a cruz.

A observância desses mandamentos hoje são desnecessarias e é isso que Paulo condenava!
3-Mas qual era a função necessaria dessa Lei?

Gálatas 3: 24-25 "De maneira que a lei nos serviu de aio para nos conduzir a Cristo, a fim de que fôssemos justificados por fé".
" Mas, tendo vindo a fé, já não permanecemos subordinados ao aio."

A resposta da pergunta é que essa Lei tinha a função de servir de guia revelando o conhecimento de uma esperança que no futuro se concretizaria , a "solução do pecado" que estava na morte do messias.

Mas isso não tirava a necessidade da Fé, visto que obedecer esses mandamentos era por acreditar no futuro que esses mandamentos simbolizavam ,"o cordeiro de Deus"
Por esses motivos é que todos os mandamentos que tinha essa função foram abolidos!

Menos aqueles que tinha outras funções como as que mostrava o certo e errado na saúde, o dizimo que já existia antes que houvesse povo de israel, levitas e santuarios terrestres e festas, etc e também a circuncisão que servia como sinal da propria aliança que cuminou em cristo.



4-Que parte da Lei era dita como sombra de coisas futuras?

Para entendermos isso e enxergamos uma importante distinção que vai nos ajudar no desenvolvimento , basta fazermos uma pergunta para nós mesmo:

4- a) Dentro do conceito de existÊncia. Quem venho primeiro, a Lei ou o pecado?

1 João 3:4 "Todo aquele que pratica o pecado também transgride a lei, porque o pecado é a transgressão da lei."

É impossivel que o pecado tenha existido primeiro visto ser o próprio pecado a consequência de transgredir a Lei .
Antes da existência do pecado havia a Lei que uma vez transgredida deu origem ao prórpio pecado.
Mas ao ler novamente Gálatas 3:19

" Qual, pois, a razão de ser da lei? Foi adicionada por causa das transgressões, até que viesse o descendente a quem se fez a promessa, e foi promulgada por meio de anjos, pela mão de um mediador".

A parte adicionada da Lei venho por causa das trasngressões ,ou seja, a primeira parte foi transgredida e isso levou a existência a uma segunda parte. É por isso que é chamada de adicionada ,visto antes já ter uma existente.

Essa parte adicionada segundo o texto é que iria até ao descedente, e também no proprio capitulo no verso 24 vimos que serveria de "aio para nos conduzir até a cristo a fim de que fossemos justificado por Fé".

Não é o justo que precisa de justificação mas sim o pecador!!

por isso a primeira parte da Lei não poderia servir de "aio" visto não ter ainda um pecador que precisasse ser conduzido para a justificação pela Fé. mas ao ser transgredida teria sido necessario a adição de uma segunda parte.

Pois essa segunda parte era sombra de coisas futuras e não a que já existia anteriormente. A primeira parte da Lei não poderia servir de sombra de coisas futuras . Pois mudaria todo o nosso sistema teologico:

1- teriamos que acreditar na predestinação das coisas

pois se antes do pecado já existia uma Lei que estava apontando para a cruz, então já estava decidido que o homem pecaria, e o pecado não seria uma culpa e sim parte do plano de Deus para algum fim (meio estranho).

Se acreditarmos como de fato cremos , que a entrada do pecado no mundo foi só simplesmente culpa do homem e não tem nenhuma interferência de Deus, (A terra foi amaldiçoada por por causa do Homeme não por vontade de Deus segundo Gênesis3:17).

Vamos chegar as conclusões:

Se não houvesse transgressões não haveria Lei adicionada, logo se faz entender que a primeira parte da Lei é eterna visto nunca ser necessaria uma adição, se a primeira parte fosse para ser abolida, seria aonde? não teria cruz!

Se a primeira parte pode servir de sombra, não precisaria uma parte adicionada,
por esse motivo é inseguro em um contexto geral dizer que toda Lei foi abolida, embora toda Lei foi escrita no livro da Lei por Moséis (no pentateuco), só os 10 mandamentos foi escrito em um outro lugar, além do livro.

Nas tábuas de pedra, vamos analisar a Lei adicionada e suas caracteristicas e comparar com as caracteristicas dos mandamentos escritos pessoalmente por Deus no Sinai:

A parte adicionada com função de sombra e aio.

1- A Lei adicionada - foi promulgada por meio de anjos. Gálatas 3:19
A Lei recebida por ministerio de anjos não foi os mandamentos escritos pelo dedo de Deus(pois ali Deus fez tudo sozinho). Atos 7:53,
2- Tinha prazo de validade , pois foi até o descendente. Gálatas 3:19
3- Venho depois das transgressões. Gálatas 3:19



A unica parte da Lei escrita diretamente por Deus.

1-Foi obra de Deus sem participação de anjos. Êxodo 31:18, 32:16
2-Prazo de validade é de mil gerações daqueles que amam e os guarda . Êxodo20:6,Salmos 105:8.

se analisarmos os motivos para se observar os mandamentos escritos por Deus e em que area se aplica , vamos perceber claramente que são eternos.
Êxodo20:1-17 primeiro lugar - Se aplica a relacionamentos com Deus e ao proximo.

Onde existir relacionamentos essa lei será necessaria ,querendo ou não.
Mandamento 1 - nunca foi permitido nem antes e nem depois da queda do homem, ter outros deuses além do nosso Deus. (os anjos caidos é prova disso)

Mandamento 2-da mesma forma que o primeiro
mandamento 3- da mesma maneira que os dois primeiros
mandamento 4- Deus pede para fazer com o sábado aquilo que Ele mesmo fez antes da queda do homem (Santificou), depois acrescentou mais um motivo para o povo de israel em Deuterônomio 5:12-15, mas o motivo original é Êxodo20:8-11 e foi algo que foi feito antes da queda do homem.

Mandamento 5- será que por não ter mandamento escrito era permitido que filhos desonra-se os pais?
mandamento 6- nunca foi permitido o homicidio, tanto que Deus puniu o primeiro e antes de caim matar o irmão Abél, Deus diz que o pecado jaz a porta, se pecado é transgressão da lei, lógico que matar não era permitido enquanto mais antes da queda.

Mandamento 7- será que em algum momento foi permitido o adultério?. visto não confudirmos adultério com poligamia, davi adulterou não quando praticou a poligamia mas quando se deitou com a mulher de outro homem. A familia de Jaco já sabia o que era adultério muito antes do sinai. Gênesis38:24

Mandamento 8-nunca podemos imaginar que fosse permitido o furto, nem antes ou depois da queda do homem , jaco já conhecia o furto e isso muito antes do sinal .Gênesis 30:33

Mandamento 9-É impossivel que foi permitido o falso testemunho , sendo o nosso Deus o Deus da verdade e o diabo o pai da mentira.
mandamento 10- Jamais podemos imaginar que a cobiça fosse permitida sendo a propria cobiça que se concretizada ,dá origem ao pecado segundo Tiago 1;14-15

Podemos imaginar que esses mandamentos foi abolidos? Seus motivos para se observar já eram considerados antes da queda do homem.

3- Esses mandamentos tem as caracteristicas para fazer parte daquela parte da lei que já existia antes do pecado . 1 João 3:14

Essas foi escritas em nossos corações em hebreus 8:10 pois não são tratadas como sombras e nem foram apontadas como adicionadas, pois Deus disse: na sua mente imprimirei as minhas leis, também sobre o seu coração as inscreverei.

Deus não disse que se trataria de novas leis mas das mesmas que falou a Jeremias31:33. Das mesmas que Abraão guardou em Gênesis 26:5
por não ter as mesmas caracteristicas da parte adicionada é que acreditamos que esses mandamentos absolutamente não foram abolidos pois não tinha nada de sombras nelas.

Por se tratar do meu relacionamento com Deus e o proximo!
Paulo não condenou a observãncia dessa parte da Lei, pois Ele mesmo as cita diversas vezes como mandamentos completando o raciocino desse estudo.

Romanos 7:7, Efésios 6:2, Romanos 13:9, hebreus 4:4,10-11,

Também é inaceitavel que depois de todas as caracteristicas dadas a essa parte da lei pela biblia diferenciando a daquela que foi adicionada e mesmo que alquem sugirá que o fato de não ter sido falados com enfase aqui no novo testamento, pudesse servir de critério para se dada como abolida.

Paulo e sua visão da Lei foi dado aqui com muita clareza e segurança.
podemos demonstrar isso fazendo uma pergunta e percebendo pelas respostas que seria impossivel continuar sustentando as mesmas idéias defendidas por aqueles que se opoem a necessidade de se observar a Lei vigente :



1- A Lei é completamente inutil e totalmente dispensavel?

se disserem que não, estão absolutamente corretos e reconhecendo que a oposição a sua necessaria observancia é fruto de má- interpretação ou outros motivos que cabe a Deus julgar.

Se disserem que sim, serão refutados pela propria biblia que em 1 Timoteo 1: 8 disse haver um jeito de usar a Lei de forma legitima e que assim ela é boa, o que quebraria todo a idéia de que seja totalmente despensavel e completamente inutil.

Como pode ser completamente inutil e dispensavel algo que ainda possar ser usado para o bem? Posso dizer que é inutil e dispensavel o seu uso para a justificação , mas é necessario para um outro fim dentro do plano da salvação.

pois não é coerente e justo pensar que um justo transgrida voluntariamente a Lei depois de ler em 1 joão 3:4 que "pecado é transgressão da Lei". como pode o justo continuar transgredido a Lei depois que foi anteriormente justificado pela fé.

É por esse motivo que paulo disse em romanos 2;13 que não são os simples ouvidores da Lei que seriam justificados mas os praticantes.
Se alguém que se diz jusificado pela fé ainda continua transgredido a Lei voluntariamente depois de ler 1 joão 3:4 é sinal que ainda não foi justificado por fé.

Salomão

Mensagens : 5
Reputação : 10
Data de inscrição : 11/03/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Verdadeiro Entendimento da Lei nas Cartas Paulinas!

Mensagem por Fco Oliveira em Sex Mar 15, 2013 6:08 pm

Nobres irmãos a paz esteja convosco, conhecendo este nossa caro irmão, de outros fóruns, sei a sua filosofia e crença, pois isto, me sinto honrado em ter ele aqui conosco!

Mas vamos deixar as coisas bem claro, ele não leu as regras do Site e nem se preocupou em pelo menos, fazer uma pesquisa, para saber na casa de quem ele está.

No fórum onde ele é rei, eu fui banido, por falar a verdade, mas aqui, ele será bem vindo, jamais vou chutar ele, desde que respeite os bons modos da nossa sociedade, ele terá liberdade para falar o que sentir.

Só que, o Site não é cristão, nem ateu, nem muçulmano e nem judaizante; nós somos Gnósticos Livres; como falei no outro tópico: tudo isto que ele falou acima:

"Isto seria o lógico, Se houvesse verdade na bíblia, mas como tudo que está escrito na bíblia é a mais pura mentira, isto aqui não tem valor nenhum".

A Verdade absoluta que existe hoje na terra, é que, não existe Verdade na bíblia, nem nas religiões e as igrejas são ferramentas do Deus-Sistema para roubar a nossa paz e o nosso dinheiro em forma de dízimos e coletas.

O Messias Salvador do mundo, é uma fraude comprovada e o Deus da bíblia é um Dragão cuspidor de fogo, que adora matar seres humanos;

Nós somos os verdadeiros filhos órfãos sem Deus na terra! O Deus dos crentes (Evangélicos, Católicos Muçulmanos e Judeus), é surdo, cego, mudo e aleijado!

O SER Deus que nos criou, não nos ama e nem gosta de nenhum de nós. Nós somos as Testemunhas vivas, de que este SER doador da vida não gosta do homem, pois nunca falou com nenhum de nós e nem com os hebreus que se auto-proclamaram profetas.

Assim sendo, dou o veredicto final, que, tudo que está escrito neste tópico do caro ir. Salomão e na bíblia, é tudo invenção humana, não existe nenhuma inspiração divina em nenhum livro na terra, tudo é invenção de homens piores do que nós.

Todos os crentes sabem disto, embora estejam todos cegos pelo o Deus-Sistema, mas a verdade está estampada no perfil de cada escritor da bíblia, é só examinar: é assassinos, pedófilos, ladrão, estuprador de suas filhas etc.

Fco Oliveira
Admin

Mensagens : 1354
Reputação : -1
Data de inscrição : 13/07/2009
Idade : 54
Localização : Catanduva São Paulo

http://gideoes-ccb.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum