Gideões da CCB Livre de Religião.
Buscar
 
 

Resultados por:
 

 


Rechercher Busca avançada

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Dezembro 2016
SegTerQuaQuiSexSabDom
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031 

Calendário Calendário

Estatísticas
Temos 1225 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de rosangela

Os nossos membros postaram um total de 1692 mensagens em 550 assuntos

AS GUERRAS NAS RELIGIÕES EM NOME DO DEUS DA PAZ!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

AS GUERRAS NAS RELIGIÕES EM NOME DO DEUS DA PAZ!

Mensagem por Fco Oliveira em Ter Ago 18, 2009 4:26 pm

AS GUERRAS NAS RELIGIÕES EM NOME DO DEUS DA PAZ, TUDO POR CAUSA DO EXCLUSIVISMO, DO LEGALÍSMO, EGOÍSMO HUMANO; SENDO QUE O REINO DE DEUS É PRA TODOS, CRISTO JESUS VEIO SALVAR A TODOS OS QUE NELE CRER E FOR BATIZADO NO NOME DO SENHOR JESUS CRISTO!

É urgente reconhecermos a responsabilidade das religiões, e especificamente do cristianismo por esse clima de violência que o mundo respira. Na realidade atual, das guerras que infestam o mundo, mais da metade tem motivações religiosas. Em Israel, judeus e islamitas; no sul da índia, hindus e muçulmanos; na Argélia, muçulmanos fundamentalistas contra os moderados; na Irlanda, protestantes e católicos, etc. As religiões que deveriam fomentar a paz tem sido inspiradoras de violência.

Se hoje é assim, na história foi pior. Quantos crimes se cometeram em nome de Deus. Em 1572, na famosa “Noite de São Bartolomeu”, que se prolongou por mais dois dias, os católicos assassinaram aproximadamente 70.000 pessoas, protestantes ou suspeita de serem colaboradores. Em Roma, o papa Gregório XII, celebrou um culto de ação de graça pelo feito.

Para a maioria das pessoas, a fidelidade à sua fé se verifica pelo combate a todos os que professam a fé de modo diferente. No Brasil, até poucos anos ainda se discriminavam protestantes, e há quem ainda veja as religiões afro-brasileiras como coisas do demônio. Quem anda pelo interior do Brasil, percebe a diversidade cultural e religiosa do povo.

Pode também ver que as igrejas não se educaram ainda para conviver com esse pluralismo. Aqui e ali, as guerras religiosas continuam e ainda será necessário que se estabeleçam as bases para que católicos e evangélicos (e até mesmo evangélicos com evangélicos), cristãos e não-cristãos assinem um novo e mais amplo “Tratado de Paz”

O fundamentalismo é uma doença que surgiu no cristianismo e hoje se espalha por todas as religiões do mundo. Os fundamentalistas acreditam que somente eles interpretam corretamente as Escrituras e que Deus lhes confiou à missão de salvar a verdadeira religião dos inimigos que a ameaçam. Foi assim que, no tempo do nazismo, muitos religiosos sinceros concordaram que se mandassem os judeus, ciganos e Testemunhas de Jeová para os campos de extermínios.

Cada vez que, numa cidade grande ou num pequeno vilarejo, um padre acha que só os católicos têm o direito de expressar a sua fé, ele está no mesmo caminho da intolerância e da guerra religiosa. Da mesma forma, quando um pastor pentecostal pensa que a fé se transmite aos gritos, e quanto mais ruidosa a assembléia mais anuncia o Evangelho, corre o risco de testemunhar um Deus intransigente, completamente oposto ao modo de Jesus se aproximar das pessoas.

Hoje, muita gente sente no coração o desejo de aprofundar uma vida interior e quer trilhar o caminho da fé. Mas tem dificuldade de aceitar o peso das estruturas religiosas. A maioria que se engaja numa igreja, o faz porque sabe que precisa do apoio de uma comunidade para viver a sua fé, e avançar no caminho de Deus.

Mas de fato, a espiritualidade, ou seja, uma vida inspirada e conduzida pelo Espírito de Deus existe em todas as religiões e pode se desenvolver também para além de qualquer uma delas, pois não depende das estruturas humanas, mas da busca perseverante desse Deus de paz.

Deus não assinou contrato de exclusividade com nenhum grupo e nem é prioridade de ninguém. A Bíblia revela que “o Eterno habita numa luz inacessível e a Ele homem algum jamais viu, nem é capaz de ver” (I Tm. 6:16). Por outro lado, afirma que “Deus é amor e toda pessoa que ama, conhece a Deus e vive com Ele” (I Jo. 4:16).

Deus é mistério. O que as religiões dizem e ensinam sobre Deus, é uma aproximação parcial. Jesus só falou do Pai e do Reino de Deus em parábolas. Por isso, precisamos ter humildade no modo de falar de Deus. Não somos donos dele. Se formos amorosos e humildes, Ele é quem nos possui. Estamos todos no caminho escuro da fé.

A própria palavra da Bíblia é para quem nela crê, “uma lâmpada que brilha num lugar escuro, até que o dia clareie e o sol brilhe direto em nossos corações” (II Pe. 1:19). Quando à noite, andamos em um caminho escuro, uma pequena lanterna nos pode ajudar muito a não pisar na lama e não errar o caminho. Mas é uma lanterna e não um farol.

Deus quis assim: a sua própria Palavra, que é Luz para os nossos caminhos e alegria para o nosso coração. É também uma palavra humana e, por isso, limitada, como cremos que o Filho de Deus se fez carne em Jesus, com limitações humanas.

O Evangelho conta que Jesus elogiou a fé confiante da mulher fenícia, que ao que tudo indica, tinha uma religião diferente da judaica, na qual Ele, Jesus, foi educado. O Senhor aceitou curar o servo do oficial romano de Cafernaum, encontrou a mulher samaritana, inimigos de Israel, e disse a ela, que mesmo que a salvação vinha dos judeus, chegou a hora em que o culto de Deus não ficaria restrito nem em Jerusalém nem em Samaria, pois “Deus é espírito, e convinha que seus adoradores o adorassem em espírito e em verdade” (Jo. 4:24).

De fato, tanto no mundo como no interior dos templos, onde Deus se revela, as armas de guerra são transformadas em foices e enxadas para lavrar a terra e produzir frutos. Hoje, os líderes das religiões e ministros das igrejas cristãs, como também o papa, insistem: “Nenhuma guerra é santa ou justa. Só a paz é um caminho justo para a humanidade. Príncipe da paz é um dos nomes dos cinco Anjos enviado para salvar os homens” (Is. 9:6). Pois, são oito Príncipes no total II Ped. 1; 5, 6 e 7.

Esta é uma das valorosas ações dos Gideões da CCB, CCA e todos os que amam a obra de Deus na terra, proclamada na paz, no amor e humildade que recebemos do Espírito de Jesus Cristo, o Filho de Deus. Deus seja louvado.

Deus abençoe!
Jeter & Fco. Oliveira.

Fco Oliveira
Admin

Mensagens : 1354
Reputação : -1
Data de inscrição : 13/07/2009
Idade : 54
Localização : Catanduva São Paulo

http://gideoes-ccb.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

EXPLICANDO COMO SERÁ FEITO O ESTUDO BÍBLICO NO FORUM

Mensagem por Fco Oliveira em Sex Ago 21, 2009 7:39 pm

Nobres irmãos a paz de Deus esteja convosco, o que é um forum de ensino? Re- é aonde eu ou vc criamos um texto e o outro ler aquele texto e escreva a sua visão, conforme ele aprendeu de Deus; ambas as duas visões tem que ser sinônimas e nunca o antônimo/contrário. Porque não posso discordar do texto do irmão(ã) fulano de tal? Re- é por que ambas as visões sairam da Única fonte que é Deus, foram iluminadas pelo o Espírito Santo de Deus, então nunca pode ser antônimas, entendemos irmãos.

Exemplo: numa Assembleia Geral, tem lá 100 anciãos reunidos, tudo o que for lido da bíblia tem que haver um concenso, não é? Neste forum de ensino do "estudo bíblico da CCB", nós vamos copiar este exemplo; não vale a mentira, se o irmão(ã) enchergou algum erro, tem todo o direito de dizer ao responsavel do texto, para que este o corrija (mostrando o lugar do erro e a prova de que está errado com citações bíblicas).

Somos todos alunos e professores au mesmo tempo, que tem ensina e quem não sabe aprende! Mais nós vamos levar a verdade da palavra de Deus a todos, mesmo sabendo que temos cinco veredas a trilhar; embora sabendo que estas veredas nunca pode ser antônimas, elas tem que nos levar ao Único porto desejado: Nosso Senhor Jesus Cristo que é o Único Caminho, a verdade é a Vida e é este Caminho que nos levará a Deus ou ao Reino de Deus, entendemos irmãos? Deus seja louvado.

Fco Oliveira
Admin

Mensagens : 1354
Reputação : -1
Data de inscrição : 13/07/2009
Idade : 54
Localização : Catanduva São Paulo

http://gideoes-ccb.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum